Bem Me Quer, Mal Me Quer

Posted in Cinema by Sal on 05/06/2007

Filme

Síndrome de De Clèrambault é o delírio convicto, que um paciente aplacado por esse mal desenvolve, de ser amado por alguém – geralmente de posição social elevada ou por uma celebridade. Essa doença também é conhecida como erotomania. Está inserida nos diagnósticos de transtornos delirantes e pode ocorrer nas diversas culturas, não sendo conhecida a sua origem. Esses delírios geralmente ocorrem para satisfazer a procura por experiências sexuais, ou na adaptação as dificuldade que a pessoa tem de encarar a vida.

Fiz a introdução acima para inserir o leitor no contexto da dica de hoje. Bem Me Quer, Mal Me Quer (À la Folie… Pas du Tout – França, 2002), dirigido com competência por Laetitia Colombani, que também assina o roteiro do filme, está disponível, em DVD, nas melhores locadoras do país.

 Um filme sensível, para apreciadores da sétima arte. Traz Audrey Tautou (do fabuloso Destino de Amélie Poulain) e Samuel Le Bihan, no elenco. A narrativa foge dos padrões e conta a história de Angélique (Tautou), uma jovem estudante de artes que se apaixona pelo médico Loic (Bihan). Mesmo com os argumentos contrários de seus amigos, que não aprovam seu relacionamento com o médico, Angélique se entrega de corpo e alma a sua paixão. O que de início soa ao espectador como apenas um desencontro amoroso, com o passar do tempo percebe-se uma perigosa obsessão tomando conta da história.

Estranho aos acostumados apenas com as grandes produções “hollywoodianas”, o filme Bem Me Quer, Mal Me Quer é recomendado ao espectador que queira assistir a uma obra para reflexão. Um filme delicado e que merece a locação.

Bem me quer, mal me quer (À la Folie… Pas du tout, 2002)
Roteiro: Laetitia Colombani e Caroline Thivel
Direção: Laetitia Colombani
Duração: 92 minutos
Gênero: Romance

Ariston Sal Junior
Fã confesso do filme O Fabuloso Destino de Amélie Poulain

Anúncios

19 Respostas

Subscribe to comments with RSS.

  1. Slain said, on 05/06/2007 at 2:30 pm

    Não é por nada…mas acho que tenho essa síndrome

    ahuahauhauhahauhauhauhauhahauha

    brinks

    Sal…tu tem o poder de me convencer de assistir certos filmes ehehhehe
    Apesar de não assistir até o final, adorei o “Amélie Poulain” =)
    Bjaumzaumm

  2. Sal said, on 05/06/2007 at 2:34 pm

    que bom que tenho argumento pra isso! hehehehehehe! afinal essa é a editoria que sou responsável!
    mas assista sim. é um bom filme!
    slain, amélie poulain é lindo!
    veja outra vez!

    bjs

  3. Iarinha said, on 05/06/2007 at 3:16 pm

    Já abri um sorrisão quando vi a Audrey! Amoooooooooooooooooooooo! Fico aqui fazendo uma listinha com os filmes..rs.. Esse vai estar em primeiríssimo lugar 😀 Adoro adoro adoro!

  4. Sal said, on 05/06/2007 at 3:19 pm

    oi amiga iarinha!
    tb sou fãzaço da Audrey!
    que bom que aprecie bons filmes!

  5. Iarinha said, on 05/06/2007 at 3:29 pm

    Que louco o trailer. Pior que tenho a impressão que já assisti…rs. Mas deve ter sido outro com a história parecida. Se eu assisti com certeza não conhecia a Audrey. Mas acho que foi outro. O trailer por si só já é emocionante..rs. Beijos!

  6. Déia said, on 05/06/2007 at 11:38 pm

    sal.. me consegues o o nome e o artista da musica do video??
    e amelie é meu preferido… prosa, poesia em forma de filme!
    e esse parece ser tao bom quanto!!
    um beijo
    déia ;***

  7. Marina said, on 06/06/2007 at 2:11 am

    eu sou muito frustada por nunca ter visto o fabuloso destino…
    vou ver este primeiro depois o que você indicou!

  8. Sal said, on 06/06/2007 at 12:54 pm

    oi déia, vou tentar buscar essa informação para vc!!!!
    bjs

  9. Sal said, on 06/06/2007 at 12:55 pm

    amiga marina!
    vc não assistiu amélie???
    assista primeiro então. garanto que vc não irá se arrepender.
    depois vou preparau um artigo sobre ele!
    bjs

  10. Sal said, on 06/06/2007 at 1:58 pm

    déia, a trilha sonora do filme é de autoria de Jérôme Coullet !

  11. Déia said, on 06/06/2007 at 6:55 pm

    muitíssimo obrigado sal…
    acho até que já ouvi esse nome antes…
    vou providenciar!!
    e fico esperando seu texto sobre Amelie!! hehehe
    ;***

  12. […] postei um artigo aqui no blog sobre o filme Bem Me Quer, Mal Me Quer, percebi que algumas pessoas não tinham assistido a um outro filme com protagonista da película. […]

  13. Lino Vernessi said, on 09/10/2007 at 12:12 pm

    Olha que coincidência!!!!!! Eu tenho quase certeza que a Audrey Tatou me ama de verdade. Eu recebo mensagens subliminares dela nos filmes. Gestos, olhares, figurino, tudo, me indica que essa mulher é apaixonadíssima por mim. Veja se tenho razão. A personagem da Audrey vai ao museu do Louvre. Veja que na palavra Louvre tem as letras do meu nome, LinO VERnessi. Tudo bem, ficou faltando a letra U. Mas em inglês informal, U, é você, ou you. Ou seja, o recado é para você(pra mim, neste caso). Ela diz: Eu amo você(U, ou YOU)!! Tem ou não tem nexo, gente???????????????

  14. chico lopes said, on 12/04/2008 at 5:09 pm

    O filme é divertido (claro que pra quem tem humor negro) e Audrey é a coisa mais linda que a França nos deu nos últimos anos.
    Achei a jogada da diretora, Letitia Colombani, bastante inteligente -entra-se no filme com lindas flores, em cores de uma nitidez quase sobrenatural, e tem-se a impressão de uma história de amor em que Audrey parece uma masoquista digna de pena – toques de comédia romântica que, aos poucos, ficarão dúbios, inquietantes e, pelo meio, a partir do momento em que a personagem de Audrey ameaça denunciar por roubo a sua colega de lanchonete para impedir que ela conte que matou a mulher que processava o seu amado médico, sabe-se que a barra vai pesar. Começa um outro filme, e, se bem que os clichês de personagens psicopatas apaixonados por amados que serão vítimas (pensei na fã número 1 de James Caan, Kathy Bates, no filme “Louca obsessão”)andam esgotados, o filme mantém seu charme.

  15. renata said, on 18/05/2008 at 2:15 pm

    sou fã do audrey um filme espetacular e romantico bom de mail

  16. Rafael Terra said, on 28/05/2008 at 1:47 pm

    Ótimo blog!

  17. clara said, on 07/10/2008 at 10:49 pm

    oi, gostaria de saber como faço para baixar a trilha de bem me quer mal me quer, vc poderia me ajudar?
    obrigada,
    atenciosamente

    Clara Marinho

  18. katia mota said, on 12/02/2010 at 7:21 pm

    Esse é realmente um dos melhores filmes que já vi. Sou suspeita p/ falar pq eu gosto muito do cinema frances.

  19. Debora said, on 11/04/2010 at 4:50 pm

    Olá assisti o filme é muito legal mais minha pergunta é essa historia é verdadeira?


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: