Era uma vez

Posted in Artigo by Joel Minusculi on 12/10/2007

Lembro que o dia de hoje era uma coisa especial. Existiam propagandas na TV com corredores e mais corredores de brinquedos. Soldadinhos de plástico, carrinhos de fricção e figuras de ação povoavam o meu imaginário e querer nesta data. Um mundo a parte, dos brinquedos e brincadeiras sem preocupação, cheio de heróis e fantasias, onde era possível ser quem eu quisesse.

Mas as coisas mudaram e muito. Nas propagandas, os brinquedos deram lugar a celulares, tocadores de MP3, aparelhos de DVD, e tudo o mais que possue muitas siglas cheias de consoantes. Tudo agora é digitalmente virtual. As boas peladas de futebol, com caneladas e muita roupa suja, se resumiram a apertar botões em seqüência. Brincar de polícia e ladrão, ao invés de ser ao redor de casa ou em vastas pastagens, agora é dentro de casa na frente de um computador.

Apesar de a tecnologia ser muito útil e prática, tenho certeza que as crianças de hoje não têm a mesma diversão que eu tive….

 

Joel Minusculi

Que, apesar de não ser tão velho assim ainda, está em um momento saudosista

 

FELIZ DIA DAS CRIANÇAS!!!

Anúncios

6 Respostas

Subscribe to comments with RSS.

  1. Marina said, on 13/10/2007 at 2:52 am

    a gente sempre acha que as coisas que vivemos em nosso tempo são as melhores.
    mas não dá pra entender essa diversão tecnológica.
    brincadeiras simples e que precisem de nossa imaginação sempre serão as melhores para mim.

  2. Mary said, on 13/10/2007 at 11:12 am

    As crianças de hoje em dia nao brincam mais como antigamente, você por acaso anda na sua rua de domingo e vê as crianças correndo, brincando de pique esconde, amarelinha e todas aquelas brincadeiras que nos tomava a tarde toda na rua?
    Até brincar de trocar roupas de bonecas agora pode ser feito pela internet. Hoje posso dizer, bons tempos de criança no século passado!

  3. pedroserra said, on 14/10/2007 at 12:10 pm

    Pique-pega, Pique-esconde, bolinha de gude, polícia e ladrão, vitrola com disquinhos coloridos, gibís, pipa, peão, io-io… isso tudo parece um passado tão distante. Como podem essas brincadeiras inocentes competir com os estímulos de uma tela de televisão ou computador cheias de imagens e sons, onde a criança pode ser o homem-aranha, o super-homem, o policial, o samurai… onde basta apertar uns botões para voar, pilotar um avião, lutar com monstros…

    confesso que eu, aos 29 anos, ainda jogo video-game, embora não com muita freqüência, e fico cada vez mais fascinado com a realidade dos jogos que vão sendo lançados a cada dia. Ainda bem que eu sou uma “criança grande” e quando o meu filho, que nasce em março do ano que vem, tiver tamanho suficiente para brincar, eu provavelmente vou querer lembrar do meu tempo de moleque e levar ele para fazer todas as coisas que há muito eu não faço… Pique-pega, Pique-esconde, bolinha de gude, polícia e ladrão, vitrola com disquinhos coloridos, gibís, pipa, peão, io-io…

  4. Fábio Ricardo said, on 15/10/2007 at 10:08 am

    Eu tive uma infância extremamente feliz,cheia de brincadeiras. Subia em árvores e gostava de escalar qualquer coisa que fosse mais alta também. Ou então sentava com osamigos ao redor de uma mesa em um bom jogo de cartas ou de imaginação. Dentro ou fora de casa, tanto faz. O que interessa é a diversão saudável!

  5. Felipe said, on 15/10/2007 at 10:48 am

    Sem dúvida a nossa época era beem melhor. Não entendo as crianças de hoje em dia.

  6. André said, on 09/11/2007 at 1:13 pm

    Esse site é uma bostaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa pq num tem nada q interessa.poha,ele diz q tem brinquedo,mas num tem merda nenhuma!!!!!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: