1001 Discos para Ouvir Antes de Morrer

Posted in Literatura, Música by Sal on 06/05/2008

1001 Discos para Ouvir Antes de Morrer, de Robert Dimery, apresenta uma rica seleção de álbuns clássicos dos anos 1950 para cá. O forte é o bom e velho Rock N Roll, com todas as suas vertentes, mas também há menções ao Jazz, ao Blues, ao Soul e ao Hip-Hop.

São 90 jornalistas e críticos musicais internacionalmente reconhecidos e que resenham os 1001 discos em questão. Ricamente ilustrado, a obra é referência básica ao apreciador de boa música que não se contenta só em ouví-la, mas necessita contextualizá-la. Há curiosidades sobre as gravações, dados biográficos do artista mencionado, detalhes dos bastidores da produção. Tudo muito bem escrito, num texto rápido, preciso e gostoso de ler.

Em 1001 Discos para Ouvir Antes de Morrer, você irá encontrar seus artistas e grupos favoritos e descobrir e conhecer dezenas de outros de relevância da música Pop e Rock. Astros e Estrelas que fazem a cabeça das gerações de jovens dos 8 aos 180 anos.

Pode ser que um disco seu preferido não esteja listado no livro/guia, as chances disso ocorrer são pequenas, mas existem. Afinal, listas de “melhor” alguma coisa são sempre questionáveis, mas o trabalho do autor foi feito com esmero e você encontrará os álbuns clássicos de Elvis Presley, Bob Dylan, Beatles, Rolling Stones, Led Zeppelin, Pink Floyd, U2, além dos clássicos absolutos, como Thriller, de Michael Jackson, ou Nevermind, do Nirvana. Sem contar com Baby One More Time, da Britney Spears. Ou você acha, mesmo não gostando, que esse álbum não causou impacto na indústria fonográfica quando foi lançado?

Ah! Os brasileiros também marcam presença, Elis Caetano, Chico, Mutantes, Sepultura. Afinal nós fazemos música da melhor qualidade e merecemos constar em qualquer compilação desse porte.

Saiba Mais:
Achei um Blog muito interessante, o 1001 Albums You Must Hear Before You Die Project. O criador chamado Mancha, seguindo o livro resenhado aqui por mim, disponibiliza os downloads dos discos que ele pretende ouvir e analisar até 2010. Vale a pena dar uma conferida e um incentivo para o historiador que nos presta esse imenso favor.

Ariston Sal Junior
Que pretende realmente ouvir os 1001 discos antes de seguir viagem

Anúncios
Tagged with:

12 Respostas

Subscribe to comments with RSS.

  1. Fábio Ricardo said, on 07/05/2008 at 12:14 pm

    Puta capinha feia, hein?
    Alguém avisa o designer que esse vermelho e esse amarelo doído tão mal na fita, e que escrever em branco sobre um fundo também branco não dá muito certo.

  2. Kiyomi said, on 10/05/2008 at 11:13 am

    O livro pode ser bom, mas a capa…
    Aqui saiu com um design diferente, se eu encontrar, eu aviso.

  3. ezahn ramone said, on 30/06/2008 at 12:42 pm

    caro Fabio Ricardo o “amarelo” com pinta de doido é só o Sid Vicious baixista do Sex Pistols uma das mais importantes bandas do cenario do punk rock mundial, que é base do rock dos nossas dias desde legiao urbana, pennywise, bad religion, uma famosa… blink 182, pitty enfim o sex pistols foi um dos principais precursores do movimento underground e o amarelo aew é o icone punk rock simboliza toda uma juventude, a rebeldia, a liberdade e alem do estilo de musica como te falei enfim o cara! o/ apesar de tudo da carreira breve e do seu vicio mais isso é so pesquisar boa leitura!

  4. Rodrigo said, on 30/06/2008 at 5:51 pm

    o que importa é o conteúdo, a capa é de menos…

    sem mais

  5. demetrius hernandes said, on 11/10/2008 at 8:05 pm

    caras…o sid viciuis era o maior blefe…ele não sabia tocar nada…pra quem não sabe, o empresario da banda, o malcon maclaren(esse sim era o cara) colocou ele na banda so porque ele era bonito…ele nunca gravou nenhuma nota…os proprios integrantes da banda falam que a entrada dele foi o começo do fim da banda

  6. Fábio Ricardo said, on 12/10/2008 at 7:29 pm

    ezahn ramone pode deixar que eu conheço a trajetória do sid vicious.

    mas nem por isso vou dizer que esse amarelo ficou bonito. de volta pra escola de design…

  7. driko89 said, on 16/12/2008 at 10:34 am

    bota o fundo preto a as letras brancas… pronto… ja fica ótimo..
    mas o conteudo do livro eh muito bom.. mas faltou o jack johnson…

  8. Soraia Siqueira said, on 27/02/2009 at 4:07 pm

    Folheei esse livro numa livraria e não encontrei referência ao Kiss- a maior banda de hard rock de todos os tempos! Será que eu não soube procurar ou o autor foi cretino o suficiente para incluir o lixo da Britney Spears e não teve a decência de falar do Kiss?
    Percebi a ausência de outras bandas, mas deixo pra reclamar de uma outra vez.
    Vlw!

    • Ely Junior said, on 31/07/2010 at 12:56 am

      ce ta eh louco.. tem o Destroyer com uma foto iradissima estrampada do Kiss em Londres.

      Não fala antes de ler o livro todo…

  9. […] você já deve ter dado de cara com algum livro da franquia 1001: começou com 1001 discos para ouvir antes de morrer, depois veio 1001 filmes para ver antes de morrer, 1001 vinhos para beber antes de morrer e, […]

  10. Euclides said, on 21/12/2010 at 6:55 am

    Vou fazer o seguinte: procurar ouvir todos os álbuns (que já ouvi e que ainda não ouvi), menos do da “espirro”… pois assim, além de não morrer, não ouço essa coisa.

  11. Zj said, on 17/03/2012 at 5:39 pm

    Wozaye ers väde,hereyjne kwaczë Sex Pistols midz Johnny Rotten (urtekazd an PIL) ,nefe sheraat umse wäsderan.Urse moksch urte varsdekjew uley.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: