História em família

Posted in Comportamento, Concurso by Colaborador on 25/07/2008

Minha família sempre gostou de passar o ano novo na praia, na beira mar mesmo, vendo os fogos de perto e fazendo muita festa.

Pois bem, era o ano de 2005, já no seu finalzinho. Eu estava grávida do meu segundo filho, que já chegaria muito em breve. Resolvemos por bem que neste ano, pela primeira vez, passaríamos a virada em casa, sem viajar, sem festas, sem praia. Isso seria o mais prudente em se fazer, já que o bebê era previsto para a primeira semana do ano que estava por vir. Ao chegar dia 30/12 estávamos na maior aflição, pois não sabíamos ainda onde festejar e nossas conversas sempre acabavam em uma única palavra: “praia”. Dia 31 …e obviamente não nos agüentamos. Liguei pro meu médico e disse que iria até a praia mais próxima, cerca de 100 km da minha cidade. Ele, com muito receio me disse que seria algo arriscado, já que estava muito próximo ao dia do parto. Desobedeci e fomos. Queríamos festejar, queríamos muita alegria, coisa que em casa não teria.

Achamos que seria bom passar a meia noite e depois voltar, apenas para festejar da maneira habitual. Então, quando já era de tardezinha colocamos alguns pertences no carro e fomos. Meu marido estava feliz, meu filho maior achando tudo legal, e eu eufórica. Chegamos na praia já de noite. Encontramos alguns conhecidos que estavam por lá e o que acontece? Chuva, mas muita chuva ….eu só queria ver o mar. Passar a meia noite vendo as pessoas na areia, ver os fogos, pular as ondas. Quando a chuva deu uma trégua corremos pra beira mar. Era quase meia noite quando a chuva vem novamente, mas dessa vez com tudo. Era gente correndo pra tudo quanto era canto, guarda chuvas e guarda sóis era o que mais se via. Corremos para o carro.A chuva era tanta que não se via um palmo sequer a frente. Meia noite. Estávamos encharcados, tremendo de frio, não vendo nada, um baita barrigão e o pior… a festa não teve. Resultado: Risos, muito risos…Rimos tanto da nossa insistência em que não nos levou a nada que chegou a ser divertido.Tiramos muitas fotos de nós mesmos, nos abraçamos, desejamos boas alegrias para o ano e voltamos para nossa casinha…

O bebê por sorte se comportou direitinho e só nasceu no dia previsto, porém seus papais…que desobediência!!!


Camile V. Broocke Leite

Anúncios
Tagged with:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: